NOTÍCIAS

ESTARREJA: COLEIRA VERDE NO DIA MUNDIAL DO ANIMAL - Radio SFM 98.1

ESTARREJA: COLEIRA VERDE NO DIA MUNDIAL DO ANIMAL

Se apanha os dejetos do seu animal sempre que o passeia, coloque-lhe uma coleira verde este sábado, dia 4 de outubro, como forma de comemoração do Dia Mundial do Animal. Mostre que protege o ambiente e a saúde pública e que é possível a coexistência do homem, do animal e da natureza. A Câmara Municipal de Estarreja pretende desta forma alertar para a necessária remoção dos detritos, com o contributo dos donos que, com responsabilidade, já dão esse exemplo de civismo à comunidade.
 
Esta será uma forma diferente de comemorar o Dia Mundial do Animal, ao mesmo tempo que se sensibiliza para atitudes cívicas e amigas do ambiente. O Município de Estarreja através do Setor de Serviços Urbanos e Ambiente convida os Munícipes, que habitualmente passeiam o seu animal de estimação e que recolhem os dejetos dos espaços públicos, a colocar uma coleira verde no animal como indicativo de ser um munícipe com preocupações ambientais. 
 
Os dejetos são responsáveis pela transmissão de diversas doenças a animais e pessoas, especialmente a crianças, que brincam em parques e jardins, e a falta de civismo a este nível pode ter consequências muito graves na saúde pública. Em alguns casos, o contacto com os parasitas pode ser fatal.
 
Estas são algumas das doenças mais comuns provocadas por parasitas:
 
. Hidatidose – Muito grave para a saúde humana, dado que se aloja preferencialmente no fígado e nos pulmões;
 
. Toxocarose: é uma das mais comuns e transmite-se por via oral e pode levar à perda de visão;
 
. Doenças infeciosas: conduzem muitas vezes a infeções gastrointestinais que requerem cuidados médicos continuados.
 
Punições para quem desrespeita
 
Recorde-se que o Regulamento Municipal de Higiene e Limpeza Pública obriga à limpeza e remoção imediatas dos dejetos pelos acompanhantes de animais que circulem na via pública (artigo 20º).
 
E para tal, os proprietários devem dispor dos meios necessários à remoção e acondicionamento hermético dos dejetos, de modo a evitar insalubridade e depositá-los nos equipamentos existentes para o efeito na via pública, exceto nos recipientes de recolha seletiva. O regulamento prevê contra¬ordenação punível com coima para os infratores.
 
"Conselho a reter: Leve sempre consigo um saco que lhe permita apanhar os dejetos e coloque-o no contentor mais próximo." - Município de Estarreja
 
O espaço público é de TODOS e TODOS devemos cuidar dele!
 



SFM TV